Michele Reghelin
Psicoterapia de Orientação Analítica

Psicóloga (CRP07/11188) formada pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC/RS-2001/02), realiza atendimento psicoterápico psicanalítico em clínica particular, possuindo Especializações em Teorias Psicanalíticas e Psicoterapias da Infância e Adolescência pelo Contemporâneo Instituto de Psicanálise e Transdisciplinaridade (CIPT - 2004); e outra em Teorias Psicanalíticas e Psicoterapias de Adultos também pelo Contemporâneo Instituto de Psicanálise e Transdisciplinaridade (CIPT- 2006), cursando agora a Especialização em Psicoterapia do Adulto Maduro no Instituto de Psiquiatria e Psicoterapia Cyro Martins. 

 

É Mestre em Psicologia Clínica pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS-2011), tendo sido bolsista SANTANDER, na qual centrou suas pesquisas acerca das vicissitudes dos relacionamentos amorosos. Ainda, na área acadêmica desenvolveu estudos acerca do Transtorno de Personalidade Borderline (UNISINOS - 2013/2014) e sobre Aliança Terapêutica e Resultados em Psicoterapia (UNISINOS - 2017). Segue organizando, participando e apresentando trabalhos em Congressos nacionais e internacionais (Argentina, Chile, Peru). Realizou curso de extensão sobre tratamento de problemas relacionados ao uso de álcool e drogas na Berkeley University of California (2003).

A primeira formação foi em Arteterapia pela Psique Casa de Arteterapia (2003), originada do seu contato pessoal com a arte, trabalhando posteriormente com oficinas em Ambientoterapia. Possui experiência como psicóloga escolar, tendo realizado seu último trabalho no Colégio Leonardo da Vinci Beta (2011- 2017). Atualmente, participa do grupo de estudos “A técnica psicanalítica hoje: invariantes e transformações”, promovido pela Sociedade Brasileira de Psicanálise de Porto Alegre. Pertence ao grupo Seminários Winnicott Porto Alegre (www.seminarioswinnicott.com) e é membro fundador e membro da Comissão Editorial da Rabisco Revista de Psicanálise (www.revistarabisco.com.br).

Informações complementares podem ser encontradas no link:

 

CV: http://lattes.cnpq.br/1903915475351012

TOPO